Notícias


SEGURANÇA

22/08/2011 às 17:20:18

SSP admite mudança na Seccional de Americana e estuda reforço no efetivo


Em reunião realizada na manhã desta segunda-feira (22), o secretário de Segurança Pública de São Paulo, Antonio Ferreira Pinto, afirmou ser favorável a transferência da Delegacia Seccional de Americana – que hoje responde ao Deinter-9 (Piracicaba) – para a Deinter-2 (Campinas). O secretário se comprometeu a apresentar estudo sobre esta transferência ao governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Presente no encontro, o delegado-geral da Polícia Civil de São Paulo, Marcos Carneiro, aceitou convite feito pelo deputado estadual Cauê Macris – que intermediou a reunião desta segunda, na sede da Secretaria da Segurança Pública – e visitará a Delegacia Seccional de Americana no próximo mês, para fazer uma nova reunião com todos os prefeitos que integram a Seccional.

Por Americana estiveram presentes o secretário de Segurança, Adnei Brochi, o presidente da Câmara Antonio Carlos Sacilotto e os vereadores Thiago Brochi e Valcedir Duzzi. De Nova Odessa, o prefeito Manoel Samartin, o presidente da Câmara Adriano Lucas e os vereadores Vagner Barilon, José Carlos e Antonio Rezende estiveram presentes. Sumaré foi representada pelos vereadores Décio Marmirolli, Toninho Moneiro e Joel Cardoso da Luz. Por Monte Mor participaram do encontro os vereadores Feres José Nemer, Eudice Leite da Silva e Alexandre Pereira dos Santos. Os vereadores Danilo Godoy e Juca Bortolucci representaram Santa Bárbara d´Oeste. Por Hortolândia, o vereador Lenivaldo Pauliuki – o Leni - representou o município e a vereadora Zezé esteve presente por Artur Nogueira.

Sensível ao discurso único dos presentes e ao encaminhamento do deputado, referente a necessidade de incremento no efetivo para Polícia Civil, o secretário Ferreira Pinto afirmou ser este um grande desafio de sua pasta e que se debruçará sobre a solicitação. “Vamos estudar o que pode ser feito, além dos concursos que já estão em andamento”, disse o secretário. O delegado-geral da Polícia Civil se comprometeu a visitar a Seccional de Americana ainda em setembro, para realizar uma reunião única com todos os prefeitos da Região.

Além de incremento no efetivo da Polícia Civil, o pedido para que a Delegacia Seccional de Americana passe a responder pela Deinter-2, em Campinas ao invés da Deinter-9, em Piracicaba, foi prontamente defendida pelo próprio secretário. “Esta foi uma distorção do passado que precisamos corrigir. Não faz sentindo, por exemplo, Hortolândia responder a Piracicaba ao invés de Campinas. Vamos fazer um estudo, que não pode ser demorado, para apresentarmos ao governador. Esta transferência é justa”, avaliou Ferreira Pinto.

COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).