Notícias


TRICOLOR SE COMPLICA

22/09/2020 às 23:30:00

São Paulo é goleado por LDU e vê classificação na Libertadores ficar mais distante


O São Paulo está cada vez mais próximo de se despedir da atual edição da Copa Libertadores. Visitando a LDU nesta terça-feira, no estádio Casa Blanca, em Quito, no Equador, o time comandado por Fernando Diniz precisava urgentemente da vitória para depender apenas de si mesmo para se classificar às oitavas de final da competição, no entanto, os donos da casa não tomaram conhecimento do Tricolor e acabaram conquistando o triunfo por 4 a 2, gols de Martínez Borja, Jhojan Julio (2) e Billy Arce. Brenner e Tréllez descontaram para os são-paulinos.

Com o resultado, a LDU foi a nove pontos e se aproximou da classificação à próxima fase. O River Plate, outro concorrente pela vaga, também venceu e foi a sete pontos. Já o São Paulo ficou com quatro tentos e enfrenta os argentinos atuais vice-campeões da Libertadores em Buenos Aires na próxima rodada.

Para o São Paulo seguir sonhando com a classificação, o time terá de vencer o River Plate, fora, e o Binacional, em casa, nas duas partidas restantes e torcer por um tropeço dos argentinos contra a LDU, no Monumental de Núñez, na última rodada.

O jogo – Logo aos cinco minutos de partida o São Paulo teve uma grande oportunidade de abrir o placar. Reinaldo chegou pela esquerda e cruzou na medida para Pablo, que, livre, cabeceou mirando no cantinho, mas mandou para fora. A LDU, por sua vez, respondeu com Jhojan Julio, que cortou para dentro e finalizou em cima de Tiago Volpi.

Já aos vinte minutos os donos da casa trataram se ser mais eficientes. Após troca de passes na entrada da área, Martínez Borja recebeu cruzamento e cabeceou certeiro, encobrindo o goleiro tricolor. E a LDU só não ampliou aos 31 porque Zunino, depois de deixar Reinaldo e Tiago Volpi no chão, foi displicente na hora do arremate e mandou para fora. Seria um golaço.

Mas, a chance perdida não fez falta para a LDU. Aos 35, Jhojan Julio aproveitou a falha na saída de bola do São Paulo, depois de Igor Gomes tocar na fogueira para Hernanes, e ampliou para os equatorianos, que não deixaram passar batido a falta de brio da equipe do técnico Fernando Diniz em campo.

Como se não bastasse, antes de os times irem para o intervalo, a LDU ainda fez o terceiro, mais uma vez com Jhojan Julio, que, desta vez, recebeu de Piovi, que fez boa trama com Zunino, e bateu sem chances para Tiago Volpi.

Segundo tempo

Na etapa complementar o São Paulo tentou esboçar algum tipo de reação. Primeiro, Gabriel Sara arriscou da entrada da área a forçou a defesa do goleiro adversário. Depois, em jogada parecida, carimbou a trave. Já aos 14 minutos, não teve jeito. Paulinho Boia desceu pela direita e cruzou na medida para Brenner completar de primeira e fazer o primeiro gol tricolor no jogo.

Sem conseguir embalar depois do primeiro gol, o São Paulo realizou uma série de alterações. Helinho, Rodrigo Nestor e Tréllez foram acionados por Fernando Diniz nas vagas de Hernanes, Tchê Tchê e Pablo, respectivamente, mas o time realmente não conseguia produzir qualquer tipo de jogada de perigo.

E, como se não bastasse o vexame são-paulino, a LDU fez questão de tornar a elástica vitória em goleada aos 30 minutos com Billy Arce, que recebeu na entrada da área e soltou uma bomba, acertando o ângulo de Tiago Volpi. Apesar de já não haver mais qualquer tipo de sinal de reação, o Tricolor ainda descontou mais uma vez com Tréllez, que recebeu e Brenner, dominou driblando a marcação e chutou de fora da área para amenizar o vexame da equipe de Fernando Diniz no Equador.


FICHA TÉCNICA

LDU 4 X 2 SÃO PAULO


Local: Estádio Casa Blanca, em Quito, no Equador

Data: 22 de setembro de 2020

Horário: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)

Assistentes: Wilmar Navarro e Miguel Roldán (ambos da Colômbia)


Gols: Martínez Borja, aos 20 do 1ºT, Jhojan Julio, aos 35 a aos 45 do 1ºT, Billy Arce, aos 30 do 2ºT (LDU); Brenner, aos 14 do 2ºT, e Tréllez, aos 36 do 2ºT (São Paulo)

Cartões amarelos: Piovi, Zunino (LDU); Rodrigo Nestor (São Paulo)


LDU: Gabbarini; Perlaza, Guerra, Corozo, Cruz (Ayala); Villarruel, Piovi (Alcívar), Zunino (Billy Arce), Muñoz (Quintero), Jhojan Julio e Martínez Borja (Medina)

Técnico: Pablo Repetto


SÃO PAULO: Volpi; Igor Vinícius (Paulinho Boia), Diego Costa, Leo, Reinaldo; Tchê Tchê (Rodrigo Nestor), Hernanes (Helinho), Gabriel Sara, Igor Gomes, Vitor Bueno (Brenner) e Pablo (Tréllez).

Técnico: Fernando Diniz


COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).