Notícias


FESTA ALVIVERDE

10/09/2020 às 22:12:00

Palmeiras aproveita expulsões do Corinthians e vence o 1º Derby da Neo Química Arena


Se o Corinthians carimbou o Allianz Parque no primeiro Derby da casa palmeirense após o último batismo, na noite desta quinta-feira o Verdão deu o troco com uma vitória por 2 a 0 na agora chamada Neo Química Arena.

O triunfo manteve a invencibilidade da equipe de Vanderlei Luxemburgo – já são 13 jogos sem perder – e acabou com um jejum no clássico que já perdurava dois anos.

Por outro lado, o resultado elevou ainda mais a pressão em cima de Tiago Nunes. O Timão conseguiu apenas uma vitória nos últimos cinco jogos e o momento é de preocupação.

Na tabela, o Palmeiras é quarto colocado do Campeonato Brasileiro depois de nove rodadas, com 16 pontos e oito jogos. O Corinthians, com nove pontos também em oito jogos, é apenas o 13º.

Primeiro tempo

Mais uma vez, Tiago Nunes decidiu trocar Camacho por Gabriel. Além disso, o técnico promoveu a estreia de Otero como titular e armou o time num esquema tática diferente, uma espécie de 4-1-4-1.

Deu certo por pouco tempo. A melhor chance veio numa sobra que Otero pegou de primeira, de canhota e mandou no travessão de Weverton.

Aos poucos, o Palmeiras foi entendendo o jogo e criando dificuldades. A segunda metade da etapa inicial foi dominada pelos visitantes, que encontraram os buracos no meio de campo e pela ponta esquerda.

Em uma destas escapadas, Wesley saiu cara a cara com Cássio. O goleiro fez a defesa e viu Lucas Lima bater para o gol no rebote. Fagner, que fazia a cobertura, quase embaixo do travessão, inexplicavelmente, colocou o braço na bola de maneira proposital.

Pênalti e expulsão sem maiores questionamentos. Para piorar, a TV mostrou que sequer a bola entraria no gol.

Luiz Adriano, que não tinha nada com isso, deslocou Cássio e marcou para o Palmeiras pouco antes do intervalo.

Segundo tempo

O Corinthians voltou para o segundo tempo com Éderson e Michel. Luxemburgo, chegou a perder Luiz Adriano por lesão e também usou seu banco, inclusive para dar a primeira oportunidade de Gabriel Veron num Derby.

E a jovem revelação alviverde mostrou que tem estrela. Piton saiu jogando errado, com o time ainda voltando de um escanteio ofensivo, e deixou Lucas Lima na boa para acionar Willian. Gabriel não acompanhou e a bola chegou em Veron, que só teve o trabalho de empurrar para as redes.

Daí pra frente, o atual campeão Paulista apenas administrou a vantagem, sem grandes problemas. Danilo Avelar ainda levou dois cartões amarelos em sequência e deixou o Corinthians com nove jogadores em campo para terminar o clássico.

Pela frente

Na próxima rodada, o Verdão receberá o Sport, no domingo, às 19h45, no Allianz Parque. O Corinthians visitará o Fluminense, às 16h do mesmo dia, no Maracanã.


FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 2 PALMEIRAS


Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)

Data: 10 de setembro de 2020, quinta-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (FIFA-BA) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)

VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

Cartões amarelos: Ramiro, Otero, Danilo Avelar (2) (COR); Zé Rafael (PAL)

Cartões vermelhos: Fagner e Danilo Avelar (COR)


GOLS:

Palmeiras: Luiz Adriano, aos 42 minutos do 1T, e Gabriel Veron, aos 19 minutos do 2T.


CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Lucas Piton (Sidcley); Gabriel; Gustavo Mosquito (Michel), Ramiro (Éderson), Cantillo (Vital) e Otero (Léo Natel); Jô.

Técnico: Tiago Nunes


PALMEIRAS: Weverton; Mayke (Bruno Henrique), Luan, Gustavo Gomez e Matias Viña; Patrick de Paula, Gabriel Menino, Zé Rafael (Ramires) e Lucas Lima (Rony); Wesley (Gabriel Veron) e Luiz Adriano (Willian).

Técnico: Vanderlei Luxemburgo


COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).