Notícias


BRASILEIRÃO

10/11/2021 às 21:30:00

Marinho desencanta, Santos vence o Red Bull Bragantino e abre vantagem do Z-4


Foto: Divulgação/Santos

O Santos venceu o Red Bull Bragantino por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Marinho e Carlos Sánchez.

O Peixe foi melhor até abrir o placar e depois soube administrar a vitória na etapa final. Sánchez ampliou, de pênalti, nos acréscimos. E Marinho quebrou um jejum de 16 partidas sem gol e se emocionou na comemoração.

Com o resultado, o Santos sobe para a 13ª colocação, com 38 pontos, e aguarda pelos demais resultados da rodada. O Bragantino é o quarto, com 49.

Na próxima rodada, o Peixe visitará o Atlético-GO no sábado, enquanto o Braga receberá o Fortaleza, no mesmo dia, em duelo direto pelo G-4.

O JOGO

O Santos foi melhor que o Red Bull Bragantino no primeiro tempo, mas a primeira boa chance foi dos visitantes. Aos 10 minutos, Eric Ramires recebeu de Arthur e bateu forte. A bola desviou e assustou João Paulo.

No minuto 13, Lucas Braga bateu de chapa por cima. Aos 23, Vinicius Zanocelo tentou de fora da área e passou perto. E aos 27, saiu o gol. Diego Tardelli bateu, Cleiton deu rebote e Marinho foi oportunista para, de peixinho, abrir o placar e acabar com um jejum de 16 jogos sem marcar.

Aos 40, Edimar chutou cruzado e ninguém empurrou para o gol. Com 44 jogados, Lucas Braga, de novo ele, entortou Aderlan e cruzou bem antes de Diego Tardelli cabecear fraco para defesa de Cleiton.

SEGUNDO TEMPO

A primeira oportunidade da etapa final também foi do Red Bull Bragantino. Aos 2 minutos, Cuello driblou Kaiky e cruzou fechado, com curva. João Paulo espalmou para escanteio. Aos 6, o Santos respondeu: Kaiky lançou, Marcos Guilherme cruzou e Lucas Braga quase alcançou na pequena área.

O jogo seguiu movimentado. Aos 6, Artur cabeceou a bola parou em desvio providencial de Danilo Boza. Aos 9, Aderlan cabeceou no primeiro pau em escanteio e assustou o goleiro João. No minuto 14, Gabriel Pirani tentou de longe e a bola subiu. Lucas Braga passou sozinho e não recebeu.

Aos 22 minutos, o Bragantino teve uma grande chance. Jadsom começou e terminou a jogada com finalização que raspou a trave de João Paulo. A ajeitada de calcanhar foi de Ytalo.

O Santos se fechou na metade final do jogo só levou um susto, aos 43, quando Gabriel Novaes subiu bem e cabeceou com muito perigo. Aos 44, Vinicius Zanocelo teve chance em contra-ataque e bateu por cima. E aos 46, um pênalti para o Peixe. Carlos Sánchez puxou o contra-ataque, Ângelo lançou e Marinho foi derrubado. Sánchez converteu. 2 a 0 e vitória importantíssima da equipe de Fábio Carille.


FICHA TÉCNICA

SANTOS 2 x 0 RED BULL BRAGANTINO


Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Data: 10 de novembro de 2021 (quarta-feira)

Horário: 19h (de Brasília)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza (RS)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Público e renda: 9.443/R$ 184.250,00

Cartões amarelos: Santos: Vinicius Zanocelo e João Paulo. Red Bull Bragantino: Jadsom


GOLS

Santos: Marinho, aos 27 minutos do 1T, e Carlos Sánchez, aos 46 minutos do 2T.


SANTOS: João Paulo; Kaiky, Luiz Felipe (Robson) e Danilo Boza; Marcos Guilherme, Vinicius Zanocelo, Felipe Jonatan (Carlos Sánchez), Gabriel Pirani (Vinicius Balieiro) e Lucas Braga (Ângelo); Marinho e Diego Tardelli (Moraes)

Técnico: Fábio Carille


RED BULL BRAGANTINO: Cleiton, Aderlan, Fabricio Bruno, Natan e Edimar; Jadsom (Martínez), Ramires e Artur; Helinho (Gabriel Novaes), Cuello (Gonzalo) e Ytalo (Alerrandro)

Técnico: Maurício Barbieri

COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).