Notícias


CULTURA

21/07/2021 às 14:20:00

Estação Artesanal abre a temporada de 2021 em agosto


(Fotos: Divulgação F. Romi)

A Estação Cultural da Fundação Romi abre a temporada de 2021 da Estação Artesanal: feira de arte, cultura e gastronomia com duas edições no mês de agosto. Será nos dias 08 e 22 (domingos), das 08 às 12 horas. Além dos trabalhos produzidos de forma manual o evento terá apresentações da Estação Musical.

No dia 08, MPB com o cantor Marcos Estevan e no dia 22, a apresentação ficará por conta de Luna Maria que participou do reality musical The Voice Kids.


Os artesãos selecionados para participarem das edições do segundo semestre de 2021 da Estação Artesanal e os músicos que farão parte da programação da Estação Musical foram selecionados através de Editais de Chamada Pública em parceria pelo Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

A Estação Artesanal e a Estação Musical acontecerão em duas edições nos meses de agosto, setembro, outubro e novembro e três em dezembro, sempre aos domingos das 08 às 12 horas. A decisão em retornar com os eventos presenciais deve-se a flexibilização do Plano São Paulo para os culturais.  “Após um tempo sem realizarmos  edição presencial da Estação Artesanal e apresentações musicais, chegou o momento em retornarmos seguindo todos os protocolos de higiene e segurança”, explica o superintendente da Fundação Romi Vainer Penatti. “A volta gradativa das atividades presenciais na Estação Cultural se deve as normas que seguimos, também a aceitação dos participantes em praticarem as recomendações dos governos federal, estadual e municipal”, conclui.

Realizada desde 2015, a feira de arte, cultura e gastronomia tem como objetivo oferecer espaço e oportunidades para o desenvolvimento de empreendedorismo social no campo da cultura, proporcionando o crescimento dos ciclos de criação, produção e distribuição de bens e serviços que usem criatividade, cultura e capital intelectual como insumos primários.

O superintendente da Fundação Romi, Vainer Penatti, afirma que “promover a feira mostra como é importante o evento para que os participantes exponham seus trabalhos, além de expandirem seus contatos e comercializarem seus produtos. Essa relação também provoca intercâmbios, como o do artesão local que participa de feiras em outras cidades; acesso, como as palestras de trocas de conhecimento; e, colaboração, como a reunião de grupos diversos em prol de uma causa. Assim, juntos, fortalecemos os eixos culturais e sociais, agregando valores humanos e econômicos”.

Somado a Estação Artesanal, durante as edições de 2021, será realizada a Estação Musical com apresentações de artistas de Santa Bárbara d’Oeste e região. É mais uma atração ao evento e maneira de fomentar a música local, com espaço para as apresentações. 

COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).