Notícias


ELIMINATÓRIAS

09/09/2021 às 23:45:00

Com Neymar decisivo, Brasil vence Peru e retoma embalo nas Eliminatórias Sul-Americanas


Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Após ver o jogo contra a Argentina suspenso, o Brasil retomou o embalo nas Eliminatórias Sul-Americanas na noite desta quinta-feira. Na Arena Pernambuco, com Neymar decisivo, o time comandado por Tite dominou a seleção peruana e venceu por 2 a 0.

Com 24 pontos, seis a mais que a Argentina, a Seleção Brasileira lidera o torneio classificatório à Copa do Mundo de 2022 - a Fifa ainda não tomou uma decisão sobre a partida suspensa na última rodada. Já o Peru permanece com oito pontos e figura no sétimo posto.

Pela 11ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas, a Seleção Brasileira volta a campo para visitar a Venezuela, última colocada da tabela. Já o Peru recebe o Chile, concorrente direto na classificação. As duas partidas estão marcadas para o dia 7 de outubro.

O Jogo - A Seleção Brasileira conseguiu inaugurar o marcador logo aos 13 minutos do primeiro tempo. Em jogada pela esquerda, Neymar desarmou Santamaria, conduziu para dentro da área e cruzou. Éverton Ribeiro completou para o gol e os peruanos, inconformados, pediram falta na origem do lance.

Atuando de maneira consistente na Arena Pernambuco, a equipe comandada por Tite não correu maiores riscos na defesa durante o primeiro tempo, e o goleiro Weverton pouco trabalhou. O Brasil, eficiente na marcação, continuou dando trabalho à defesa peruana.

Aos 39 minutos da etapa inicial, Gabriel recebeu de Danilo pela direita e cruzou. Na sobra, Éverton Ribeiro completou para a meta peruana. Santamaria não conseguiu afastar o perigo e apenas desviou, o que permitiu a Neymar tocar a bola para o gol vazio.

Após um primeiro tempo de ampla superioridade, o Brasil quase marcou o terceiro logo no começo da etapa complementar. Em jogada pela esquerda, Gerson desarmou Tapia dentro da área e rolou para Gabriel. Livre, o centroavante do Flamengo bateu para fora.

Apesar da chance criada ainda antes do primeiro minuto, a Seleção não manteve o ímpeto ofensivo na etapa complementar. Em uma rara chegada do time peruano, Lopez recebeu pela esquerda e chutou forte para o goleiro Weverton espalmar pela linha de fundo.

Com a vitória praticamente assegurada, o técnico Tite aproveitou para observar atletas como Edenilson e Hulk, além dos jovens Bruno Guimarães e Matheus Cunha. Logo depois de entrar, o atacante do Atlético-MG recebeu lançamento de Lucas Paquetá pela esquerda e iludiu Gallese com o peito, mas finalizou para fora.

 

FICHA TÉCNICA:

BRASIL 2 x 0 PERU

 

Local: Arena Pernambuco, em Recife (PE)

Data: 9 de setembro de 2021, quinta-feira

Hora: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Wilmar Roldan (COL)

Assistentes: Alexandre Guzman (COL) e Wilmar Navarro (COL)

VAR: Esteban Ostojich (URU)

Cartões amarelos: Casemiro, Lucas Paquetá, Gabriel e Neymar (BRA); Tapia, Yotun, Santamaria, Costa e Gonzalez (PER)

Gols:

BRASIL: Éverton Ribeiro (13min do 1º Tempo) e Neymar (39min do 1º Tempo)

 

BRASIL: Weverton; Danilo (Daniel Alves), Éder Militão, Lucas Veríssimo e Alex Sandro; Casemiro (Bruno Guimarães), Gerson (Edenilson), Éverton Ribeiro (Matheus Cunha) e Lucas Paquetá; Neymar e Gabriel (Hulk)

Técnico: Tite

 

PERU: Pedro Gallese; Advíncula, Santamaria (Ramos), Callens e López; Tapia (Cartagena), Yotun (Costa), Gonzalez, Carillo e Cueva (Flores); Lapadula (Ruidiaz)

Técnico: Ricardo Gareca

COMENTÁRIOS (Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).