SéRIE A-3

União sofre para conquistar empate em casa diante do Grêmio Osasco

10/02/2018 - 18h56

 

Compartilhar via E-mail

Figurando na zona de rebaixamento do Campeonato Paulista da Série A-3 depois de 8 rodadas, ocupando a 16ª colocação, o União Barbarense recebeu o Grêmio Osasco procurando a reabilitação em um jogo que foi de momentos e momentos. No fim das contas, o primeiro empate na campanha deste ano saiu de bom tamanho.

UNIÃO MELHOR, OSASCO EFETIVO

O União fazia um primeiro tempo sólido até os 40 minutos. Não chegou com perigo claro de gol em nenhum momento, mas aos 20 Jean Natal chutou uma bola perigosa de fora da área, forçando boa defesa de Cleiton, e aos 32 Igor recebeu um belo lançamento de Jean e apareceu em posição muito perigosa, mas na hora de cortar a marcação, acabou ficando tempo demais com a bola e sendo desarmado.

A partir daí, o time adversário começou a gostar do jogo: aos 40 minutos, Lincoln foi obrigado a fazer falta no setor defensivo esquerdo do União e a bola na área levou perigo, gerando um escanteio, que foi finalizado por Brumati por cima do gol. Aos 42, o União não teve não teve tanta sorte como no lance anterior, quando a finalização partiu de um zagueiro: desta vez foi o artilheiro do campeonato, e ele não perdoa. Depois do setor defensivo do alvinegro assistir a troca de passes entre Marcus Vinicius e Vit, este último deu uma cavadinha, lançando Danrley, que cabeceou de primeira e por cima do goleiro Alan Tobias, abrindo o placar em Antônio Guimarães.

Em verdade, esses dois momentos foram os únicos ofensivos do time visitante. Em todo o restante dos 45 minutos iniciais, foi o União que teve a posse e iniciativa de jogo, mas não conseguiu converter isso em gol e foi penalizado na saída para o intervalo. O Grêmio Osasco, sim, conseguiu sucesso naquilo que pretendia fazer em Santa Bárbara: se defendeu bem e foi fatal.

UNIÃO EFETIVO, OSASCO MELHOR

O União voltou do intervalo em ritmo insano: logo aos 5 minutos, Igor lançou Wilker, que saiu cara-a-cara com o goleiro na pequena área. Porém, o 9 barbarense permitiu a recuperação do defensor Igor, que chegou no carrinho, travou o chute e salvou o GEO. Três minutos mais tarde, aos 8, Igor fez jogada de muita velocidade pela direita do ataque do União, passou por dois defensores e foi derrubado na área por Marlon Luiz. Jean Natal pegou a bola, colocou na marca da cal e bateu firme, no canto esquerdo baixo de Cleiton, para empatar o jogo: 1 a 1.

Mas logo após o gol do alvinegro, o adversário começou a pressionar, em chegadas de Vit, que bateu por cima, e de Marcus Vinicius e Danrley, que exigiram boas defesas de Alan Tobias, com os pés em uma oportunidade e as mãos em outra. O União respondeu em falta cobrada por Jean Natal, que forçou uma ótima defesa de Cleiton.

Aos 13, Elton bateu de fora da área e a bola desviou em Thiago Batista, o que quase foi fatal: se não fosse Alan Tobias se esticar para fazer uma linda defesa, os visitantes teriam tomado mais uma vez a liderança no placar. Com 16, Marcus Vinicius cobrou falta perigosíssima, novamente forçando Alan Tobias a aparecer.

UNIÃO MELHOR. SEM EFETIVIDADE

O Leão da Treze tentou virar o jogo em contra-ataque rápido logo após esse lance, mas Igor, que correu da defesa ao ataque com a bola, acabou demorando para finalizar e tentou cavar um pênalti de Marlon. O árbitro nem olhou. Com o passar do tempo, ameaçou retomar o controle do jogo, mas voltou a perder chances. Aos 30, Igor recebeu passe na ala direita e foi em velocidade em direção ao gol, mas o chute cruzado saiu muito aberto e a bola saiu em tiro de meta. Aos 32, novamente Igor tentou penetrar a área adversária, mas foi desarmado por Marlon. Um minuto depois, Jean Natal tentou lançar Alex na ofensiva direita, mas o lateral acabou deixando a bola passar e sair em lateral.

Claudemir Peixoto tentou mexer no time para correr atrás do resultado, trocando peças problemáticas no jogo: Wilker por Ricardo Branco e Renan por Romarinho. O problema maior foi quando, aos 37, Jean Natal saiu para a entrada de Giva. A alterção diminuiu a produção ofensiva do União e aumentou a do Grêmio Osasco, que voltou a gostar do jogo e pressionar o alvinegro.

OSASCO MELHOR E NADA MAIS

Aos 39, em cobrança de escanteio, a bola ficou viva na área e Alan Tobias saiu para protagonizar mais uma defesa segura. Com 41, mais uma bola aérea encontrou Danrley, que testou forte mas muito alto. Aos 42, o centroavante foi lançado e saiu cara-a-cara com Alan Tobias, que saiu providencialmente nos pés do adversário para salvar o Leão. Com 44, Marcelo recebeu passe na quina da grande área e engatilhou o que seria um canudo, mas foi travado por Magno na hora H. Ainda deu tempo de Alan Tobias fazer mais uma defesa incrível, indo buscar cobrança de falta de Brumati no ângulo, para garantir o empate para o União, depois de um enorme sufoco nos últimos 10 minutos.

 

Com a atuação, recebendo três votos contra dois para Igor, Alan Tobias foi novamente eleito o melhor homem em campo pela Equipe Brasil de Esportes - AM690kHz.

Com o empate, o União foi a 7 pontos, seguindo no Z-6, em 16º colocado. O alvinegro barbarense volta a campo na quarta-feira, às 16h, quando visita o Taboão da Serra. O Grêmio Osasco, que figura no G-8 da competição, recebe a Portuguesa Santista, também na quarta à tarde.

 

Confira a ficha técnica do jogo:

UNIÃO BARBARENSE (1)
Alan; Alex, Thiago Batista, Magno e Lincoln; Abuda, Claudinei, Jean Natal (Giva) e Renan (Romarinho); Igor e Wilker (Ricardo Branco).
Téc.: Claudemir Peixoto

GRÊMIO OSASCO (1)
Cleiton; Marcelo, Brumati, Marlon (Davi Gabriel) e Igor Milioransa; Dinho, Rubens, Vit e Marcus Vinicius (Vinicius Leite); Elton (Samoel) e Danrley.
Téc.: Vitor Mosca

GOLS: Danrley (GEO - 42' 1ºT) e Jean Natal (UNI - 08' 2ºT)

ÁRBITRO: César Luiz de Oliveira
CARTÕES AMARELOS: Marlon Luiz (GEO); Magno, Lincoln e Abuda (UNI)

LOCAL: Estádio Antonio Guimarães, em Santa Bárbara d'Oeste.
PÚBLICO: 244 pagantes | RENDA: R$4.350,00

Fonte: Redação

Comentários

(Os comentários são de responsabilidade do autor, e não correspondem à opinião do SBNotícias).